11 de março de 2016

Tecnologia embarcada: desenvolvemos aplicativo para a Linha Circular Turismo

Circular-Turismo-01

No próximo sábado (12.03), a cidade de São Paulo ganhará a linha Circular Turismo, que funcionará em modo experimental. É uma iniciativa da Secretaria Municipal de Transportes por meio da São Paulo Transporte (SPTrans) em parceria com a São Paulo Turismo (SPTuris) e a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET). A concessionária responsável é a Sambaíba.

Serão 3 viagens por dia, com duração de 3 horas cada, parando em 11 pontos de interesse turístico. A tarifa é de 40 reais e o cartão vale por 24h a partir da primeira utilização. Além disto, outro ponto interessante do serviço é que os ônibus sao conduzidos exclusivamente por mulheres. :)

Conheça mais detalhes aqui.

As(os) passageiras(os) terão à disposição áudio explicativo em três idiomas (português, inglês e espanhol) durante todo o percurso. São 42 pontos de interesse turístico e cultural, que são acionados por meio de GPS.

O aplicativo para sistema android, denominado MobiAudio, foi desenvolvido pelo MobiLab e instalado em um tablet no painel da motorista. Quando o ônibus se aproxima de um ponto de interesse, o áudio correspondente é acionado (em 3 idiomas) no sistema de som do próprio veículo.

Vale lembrar que nossa premissa de desenvolvimento é de códigos, dados e protocolos abertos. Portanto, divulgamos aqui o código do aplicativo para que quaisquer interessados possam utiliza-lo, sejam programadores ou mesmo outras prefeituras. Sugestões de melhorias e adequações para o nosso app sempre serão muito bem vindas  :)

Já conheceu o nosso facebook?

Circular Turismo 03

Foto: Sidnei Santos

Circular Turismo 02

Foto: MobiLab

3 Comments on “Tecnologia embarcada: desenvolvemos aplicativo para a Linha Circular Turismo

Arthur Yamoto
14 de março de 2016 em 09:22

Parabéns pela iniciativa! É uma pena que a mídia não divulgue essas iniciativas benéficas do MobiLab para toda a sociedade.

Responder
Giovani Breda
26 de abril de 2016 em 16:33

Nunca havia pensado em conhecer o Turcomenistão

Esse seu artigo foi esclarecedor e me mostrou novas possibilidades. Muito obrigado por compartilhar

Responder
André Victor
4 de maio de 2016 em 09:31

A melhor parte de São Paulo é a Avenida Paulista, definitivamente!

Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *