MobiLab premia startups inovadoras de mobilidade urbana

O evento de inovação em mobilidade mais esperado do ano – Demo Day MobiLab – destacou soluções das startups Scipopulis (vencedora) e Woole (destaque), ganhadoras de viagens à China e São Francisco, respectivamente. O Demo Day teve apoio da 99, Airbnb e Serasa Experian.

Na última sexta (4/8) promovemos a apresentação das startups de programa Residência MobiLab a investidores, aceleradoras e agentes do ecossistema de inovação. O evento recebeu cerca de 160 participantes presenciais e mais de 3 mil pessoas puderam acompanhar tudo pela página do facebook do MobiLab.

Acesse todas as fotos do Demo Day MobiLab aqui.

Participaram do Demo Day MobiLab as startups ClickFretado, Logbee, SafeTruck, Scipopulis e Woole, que utilizaram o apoio técnico da Prefeitura de São Paulo, o espaço de coworking e mentorias do MobiLab para o desenvolvimento de suas soluções em mobilidade urbana.

A Scipopulis, focada em cidades inteligentes, foi a grande vencedora e recebeu uma viagem a China, que inclui visita técnica à startup de mobilidade Didi Chuxing e participação no Fórum Brasil-China Challenge, que acontece no início de setembro. O prêmio foi oferecido pela 99. Além de levar um maravilhoso trófeu feito pelo Fab Lab Livre SP, em impressora 3D e a laser.

Ciro Biderman (Fundador do MobiLab) e Roberto Speicys (Scipopulis). Foto: Kamila Camilo

O primeiro lugar da Scipopulis também contempla um mês de residência para até 4 pessoas oferecido pela Serasa Experian, em seu DataLab, quando terá a oportunidade de ter acesso, por exemplo, a mais de 20 mil dados diversos que podem ser usados no aperfeiçoamento de seus projetos.

O prêmio Startup Destaque ficou com a Woole, aplicativo cujo propósito é facilitar o uso de bicicleta como meio de transporte na cidade. O app conta com um sistema de navegação para ciclistas com opções de rotas rápidas, seguras, ou planas além de bicicletários e oficinas. Como premiação, uma viagem patrocinada pela Airbnb a São Francisco (EUA) para participar da Conferência TechCrunch, considerado o maior evento de startups do mundo.

André Arcas (Woole) Foto: Kamila Camilo

“Os finalistas honraram esse espaço, apresentaram soluções que já têm contribuído para a melhoria da mobilidade urbana. Dinâmicas como esta estimulam a visão arrojada para inovar em escala na cidade”, destaca o secretário de Mobilidade e Transportes, Sérgio Avelleda, presente no evento.

04a

Aline Cardoso (secretária de Trabalho e Empreendedorismo); Daniel Annenberg (secretário de Inovação e Tecnologia); e Sérgio Avelleda (secretário de Mobilidade e Transportes).

Para Daniel Annenberg, secretário de Inovação e Tecnologia, o Demo Day MobiLab vai ao encontro da filosofia da nova gestão, que é inserir São Paulo entre os dez principais hubs de startups do mundo. “Eventos como o Demo Day permitem a inserção da Prefeitura neste ecossistema e fazem com que a sociedade inove e renove sua relação com a cidade”.

[FOTO DANIEL]

Sobre as soluções apresentadas

Logbee: plataforma de logística urbana, focada em entregas na grande São Paulo

SafeTruck: sistema de prevenção de acidentes viários que auxilia o motorista durante a condução, reduzindo a possibilidade de acidentes

Scipopulis: desenvolvimento de algoritmos e ferramentas de visualização de dados para ajudar cidadãos, gestores e operadores de transporte público

Woole: aplicativo colaborativo para ciclistas que calcula rotas personalizadas e mapeia locais de interesse

ClickFretado: plataforma online que centraliza todas as excursões em uma única página de busca para facilitar a organização de vans e ônibus fretados para eventos.

05

 

Demo Day MobiLab, o evento de inovação em mobilidade mais esperado do ano

Evento divulgará as soluções desenvolvidas pelas startups do programa de Residência MobiLab

A Prefeitura de São Paulo, por meio das Secretarias de Mobilidade e Transportes e de Inovação e Tecnologia promove no dia 04 de agosto, das 9 às 12h, o Demo Day MobiLab.

O evento, organizado pelo MobiLab (Laboratório de Mobilidade Urbana), apresenta as melhores startups do Programa Residência MobiLab, selecionadas dentre as participantes do programa criado em julho de 2016 para fomentar startups que desenvolvem soluções inovadoras de mobilidade.

Para a 1a edição do Demo Day, o MobiLab selecionou as 5 startups que melhor avançaram com seus produtos e modelos de negócios, são elas: ClickFretadoLogbeeSafe TruckScipopulis e Woole.

O MobiLab, Laboratório de Mobilidade Urbana, é uma criação da Prefeitura de São Paulo para introduzir inovação e prover soluções ágeis, baratas e criativas para os problemas de mobilidade da cidade, por meio de startups e usando dados abertos.

O MobiLab é o primeiro espaço de coworking público do país, onde promove a interação entre técnicos da administração pública, terceiro setor, startups e universidades, formando um ecossistema que integra e compartilha conhecimentos e experiências de diferentes organizações, com a finalidade de desenvolver soluções inovadoras de mobilidade.


Saiba mais sobre as startups finalistas aqui:

DemoDay_startups_finalistas_con

 

MobiLab, Laboratório de Mobilidade Urbana da Prefeitura de São Paulo, será destaque da Campus Party 2017

Objetivo é mostrar como a agilidade e criatividade das startups podem modernizar a gestão da mobilidade urbana

Criado para introduzir inovação e mudar o relacionamento do governo com tecnologia, o MobiLab, Laboratório de Mobilidade Urbana da Prefeitura de São Paulo, será um dos grandes destaques da Campus Party Brasil 2017, o maior evento de tecnologia, inovação e empreendedorismo do país.

A apresentação com o tema “Transformando o governo em uma startup: a experiência do MobiLab da Prefeitura de São Paulo”, vai acontecer no sábado, dia 4 de fevereiro, e será dividida em duas partes: Na primeira, das 14h15 às 15h20, a secretária executiva do MobiLab, Daniela Swiatek, vai  contar como é possível trazer agilidade e criatividade das startups para modernizar a gestão da mobilidade urbana.

Como exemplo, serão apresentados dois projetos voltados para a melhoria da gestão pública, desenvolvidos por startups contratadas pela Prefeitura. O da Raro Labs é um sistema para a CET (Companhia de Engenharia de Tráfego) operar remotamente todos os controladores semafóricos de tempo fixo da cidade, enquanto o da Made in Web foca na automatização da área operação da SPTrans, empresa que administra as linhas de ônibus em São Paulo.

Já na segunda parte, das 15h20 às 16h45, serão apresentadas soluções para a melhoria da mobilidade dos cidadãos criadas por startups participantes do programa Residência MobiLab.

Nesses casos, não há financiamento público, apenas o apoio da Prefeitura para o desenvolvimento dos projetos, que abrangem prevenção de acidentes, fretamento de ônibus, pagamento de transporte público e aplicativos para ciclistas, até manutenção automotiva e inteligência artificial para encontrar vagas em estacionamentos.

“Trata-se de uma saída ao consumo passivo de tecnologia e uma maneira de introduzir a criatividade, customização e agilidade de empresas startups no setor público”, afirma Daniela Swiatek.

A Campus Party Brasil 2017 conta com o apoio do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovação e Comunicação e da Secretaria Municipal de Inovação e Tecnologia de São Paulo e será realizada no Pavilhão de Exposições Anhembi São Paulo de 31 de janeiro a 5 de fevereiro. Na edição do ano passado, o evento contou com mais de 82 mil visitantes e oito mil campuseiros vindos de 24 estados brasileiros.

 

SERVIÇO

Evento: Transformando o governo em uma startup: a experiência do MobiLab da Prefeitura de São Paulo

Data: Sábado, dia 4 de fevereiro de 2017

Horário: 14h15

Local: Campus Party 2017 – Pavilhão de Exposições Anhembi – Avenida Olavo Fontoura, 1209, São Paulo, SP

Evento debate a interação entre setor público e startups para a mobilidade urbana

Encontro também vai mostrar a experiência do MobiLab em São Paulo

O papel do setor público para fomentar a inovação na política de mobilidade urbana é o tema de um encontro na próxima quinta-feira (24), a partir das 14h, no MobiLab. O evento também marcará o encerramento da 1ª edição do Residência MobiLab, com a participação nos painéis de discussão das oito startups que estiveram no projeto.

No encontro, serão discutidas as novas formas de interação entre os setores público e privado para a produção de soluções inovadoras em mobilidade. Entre os palestrantes, participarão Ciro Biderman, Diretor de Inovação da Prefeitura de São Paulo e Coordenador do MobiLab, e Luciano Driemeier, gerente de Estratégia de Produto América do Sul da Ford.

Além disso, também será contada a própria experiência do MobiLab, que atua na aproximação da gestão municipal com startups, fortalecendo as premissas de abrir dados, trocar conhecimento, desenvolver em código aberto e em software livre. Esse modelo tem ajudado na obtenção de melhores instrumentos e serviços de mobilidade para os cidadãos, além de proporcionar transparência e economia ao setor público por meio de soluções inovadoras.

 

Veja a seguir a programação completa do evento:

 

Evento: Soluções inovadoras para mobilidade urbana: a interação entre setor público e startups

Local: MobiLab (Rua Boa Vista, 136 – mezanino, Centro – São Paulo)

Horário: 14h às 18h

Evento gratuito

Mais informações: evento no facebook

convite

Programação:

(14h-14h20) ABERTURA – Transformando o governo em uma startup: novas formas de contratualização entre público e privado.

Ciro Biderman (Diretor de Inovações da SP Negócios e Coordenador do MobiLab)

(14h20-14h40) Convidado especial – Luciano Driemeier (Gerente de Estratégia de Produto América do Sul da FORD)

A evolução tecnológica e as novas tendências de mobilidade

 

(14h40-15h30) PAINEL 1: A experiência da aproximação das startups com a gestão pública

– Luciano Mota – Startup Parknet

– Luiz Renato Mattos – Startup OnBoard Mobility

– Marcio Cabral – Startup Scipopulis – Desenvolvimento e Análise de Dados

– Zero (José Roberto Carvalho) – Analista de Tecnologia de Informação da CET

– Isabel Bichucher Opice – Assessora na Subsecretaria de Parcerias e Inovações da Secretaria de Governo

– Daniela Swiatek – Coordenação Executiva do MobiLab (mediadora)

 

(15h30-15h50) – Intervalo

 

(15h50-16h40) PAINEL 2: Como a tecnologia em logística pode impulsionar micro e pequenos negócios

– Guilherme Mussnich Schmidt – Startup Logbee

– Telmo Teramoto – Startup Kolektiva

– Vitor Muramatsu – Vice-Presidente da Pedivela

– Antonio Ravioli – Assessor de Diretoria da SP Negócios

– Guilherme Ralish – SebraeSP (mediador)

 

(16h40-17h10) EXPOSIÇÃO DE PROJETOS

– Somos 6% mas não somos meia dúzia – Maíra Broetto

– Todos Ganham – Rogerio Venturineli

– Abraterua – Nathalia Watanabe

– Empatraffic – Gabriel Marques, Victor Terramoto e Vitor Muramatsu
(17h10-18h00) PAINEL 3 – Mobilidade ativa: tendências e importância

– Flavio Briz – Startup Beeline

– Nathalia Watanabe – Startup Woole

– Luigi Godoy – Startup MubMaps

– Suzana Nogueira – Coordenadora de Planejamento Cicloviário da CET

– Ana Carolina Nunes – Integrante do coletivo SampaPé!

– Luis Claudio Pereira – Sebrae SP (mediador)

 

Sobre os projetos:

Abraterua – Nathalia Watanabe.

Procuramos uma forma de obter mais empatia dos motoristas pelos com uma demonstração prática de que as bicicletas não atrapalham o tráfego, pelo contrário, ajudam na fluidez do trânsito por ocuparem muito menos espaço nas vias. Para isso, criamos uma ação em que circulamos com estruturas de PVC fixadas às bikes, fazendo com que elas ocupem o mesmo espaço de um carro. Depois essas estruturas são retiradas, demonstrando imediatamente o benefício à circulação dos veículos. As estruturas, depois de removidas, servem ainda como parklets portáteis, reforçando a ideia de que o espaço do automóvel pode ser aproveitado de formas mais benéficas para a cidade.

Somos 6%, mas não somos meia dúzia – Maíra Broetto

Com o objetivo de dar visibilidade às mulheres ciclistas e inspirar outras mulheres a pedalar, a campanha “Somos 6%, não somos meia dúzia” compartilha as histórias de quem forma este percentual. A campanha foi hospedada em um site próprio e divulgada no Facebook, no Instagram e no Twitter. Usando estas plataformas, desenvolveu-se um conjunto de ações complementares para estimular a colaboração entre as mulheres e apoiar as iniciantes na superação de seus medos e dificuldades, incluindo a “Bicicletada Somos 6%” e a “6a de bike”, como um dia fixo de mobilização.

Todos Ganham – Rogerio Venturineli

Projeto de campanha de comunicação que se baseia em não-ciclistas.

Empatraffic – Gabriel Marques / Victor Terramoto / Vitor Muramatsu

Com o objetivo de aumentar o respeito, melhorar a convivência entre os diferentes atores que compõem o trânsito de São Paulo e, com isso, ajudarmos a diminuir o numero de acidentes, desenvolvemos a abordagem do Projeto Empatraffic. Um conjunto de iniciativas/ações que visam chamar a atenção e estimular pedestres, ciclistas e motoristas a pensar no trânsito sob a perspectiva da empatia, do exercício de se colocar no lugar do outro para melhor entender a interdependência que esses atores têm na melhoria da qualidade de vida nos grandes centros. São iniciativas que podem ser implementadas por pessoas físicas ou escolas ou pelo setor público em parecerias com empresas.

 

TERMOS DE AUTORIZAÇÃO DE USO DE IMAGEM E VOZ

Ao participar do evento, você autoriza o uso de sua imagem e voz em todo e qualquer material entre imagens de vídeo, fotos e documentos, captados neste evento a ser realizado no dia 24 de novembro de 2016, pelo MobiLab. A presente autorização é concedida a título gratuito e por prazo indeterminado, abrangendo o uso da imagem acima mencionada em todo território nacional e no exterior, nas formas usuais de exposição em relações corporativas (apresentações, palestras, etc) e em mídias, tais como folhetos em geral, home page, cartazes e mídia eletrônica (painéis, vídeos, televisão, cinema, mídias sociais, internet, etc).

O programa Residência MobiLab 2.0 hospedará 12 startups residentes durante os próximos 6 meses

Conheça as 12 startups que serão as residentes da 2a edição do programa Residência MobiLab, que se iniciará no dia 31 de outubro, com duração de 6 (seis) meses.

Após o evento Pitch 2.0 – apresentação das startups finalistas realizado na última quinta-feira (20/10), a Comissão Julgadora do programa de residência selecionou 7 (sete) novas startups residentes que se juntarão a outras 5 (cinco) startups da 1a edição, que foram selecionadas para participar do Residência MobiLab 2.0. 

Novas startups residentes:

Nome do projeto/startup Responsável Pontuação
Leva Eu Ricardo Alexandre  Victorio 45
SafeTruck Gustavo Suim 43
NosTrinques Ivan Cesar de Oliveira 43
Jump Park Gustavo A.R.C. Cabral 41
Safety Adriana Mallet Toueg 41
UseBike Guilherme Cury Rovai 39
ClickFretado Saulo Silva Assis 38

Startups selecionadas através da 1a edição:

Nome do projeto Responsável
LogBee Guilherme Mussnich Schmidt
ParkNet Luciano Telesca Mota
OnBoard Mobility Luiz Renato M. Mattos
Beeline Denise Kaminaga
Woole André Arcas

Confira aqui a ATA da Comissão Julgadora.

 

Conheça mais sobre as 12 (doze) startups residentes:

Startup Descrição
Leva Eu O Leva Eu é uma solução de Gestão de Demanda de Viagens que ajuda organizações a melhorar o controle e a gestão do transporte de pessoas e objetos, bem como a otimizar a frota disponível para atendimento de demandas de viagens eventuais e pendulares. Saiba mais: http://levaeu.net
SafeTruck Sistema de prevenção de acidentes viários aplicado em qualquer tipo de veículo. O sistema consiste em hardware, firmware e nuvem que auxiliam o motorista durante a condução do mesmo, trabalhando como um copiloto para o mesmo. Em caso de acidente, o sistema deverá ser utilizado como a Caixa Preta do veículo, contendo TODOS os dados de movimentos (e outros) anterior ao acidente. Saiba mais: http://safe/truck.com.br
UseBike É uma ferramenta que traz um mapa com informações valiosas e colaborativas para as pessoas com foco na segurança do ciclista. Oficinas, Pontos bike sharing, estabelecimentos bike friendly, paraciclos, bicicletários e toda a malha de ciclovias do Brasil.
ClickFretado O ClickFretado é uma plataforma online que propõe facilitar o processo de organização de novas linhas de Vans e Ônibus fretados para o trabalho ou eventos. Em poucos cliques a plataforma agrupa pessoas interessadas, forma novas linhas, define as rotas e disponibiliza para o motorista. Trata-se de uma alternativa econômica e confortável que contribui para a mobilidade urbana e a qualidade de vida dos passageiros. Saiba mais: www.clickfretado.com
NosTrinques A NosTrinques transforma a maneira que é feita a manutenção automotiva programada, oferecendo a solução de mecânico delivery, conectando mecânicos profissionais com proprietários de veículos. Através deste serviço, por meio do site ou aplicativo, é feito um acompanhamento da saúde deste carro, ajudando os usuários ao indicar as próximas necessidades de manutenção. Saiba mais: www.nostrinques.com
Jump Park Sistema mobile para a gestão do caixa dos estacionamentos que substitui computadores e impressoras, por um aplicativo Android e cartões PVC. Nosso aplicativo motorista informa preço, horários, rota e disponibilidade de vagas. Saiba mais: www.jumppark.com.br
Safety O Safety é um aplicativo gratuito, que tem como objetivo detectar colisões veiculares e, assim, realizar uma chamada de emergência informando a localização e histórico médico do usuário para um atendimento mais rápido, preciso e eficaz. Além disso, através de dados de comportamento de motoristas cruzados com a localização de acidentes fatais, permite ações preventivas mais acertivas. Saiba mais: www.saferidebrasil.com.br
LogBee A LogBee é uma empresa de inteligência logística ligada a uma rede de motoristas autônomos. Permitimos que motoristas autônomos consigam atender a empresas como se fossem uma transportadora profissional. Seu negócio precisa distribuir produtos na grande São Paulo? Fale com a gente! Saiba mais: www.logbee.com.br
ParkNet O app disponibiliza a localização de todas as vagas reservadas a pessoas com deficiência e idosos, com possibilidade de traçar rotas até o local de estacionamento desejado.  Além disso, o software tem um ambiente colaborativo, em que os usuários podem notificar a existência de vagas ainda não mapeadas, ou ainda, fazer denúncias dos locais ocupados irregularmente. Saiba mais: www.parknet.com.br
OnBoard Mobility Criada em 2016, a OnBoard Mobility é uma startup que tem como principal objetivo facilitar o processo de pagamento dos serviços de transporte público de passageiros, utilizando a mais avançada tecnologia disponível. Com a solução que está em desenvolvimento pela OnBoard Mobility, pretende-se integrar os modais das diversas cidades no Brasil e no exterior, facilitando a vida de usuários, concessionárias e gestores públicos. Além disso, a versatilidade da solução proposta pela OnBoard Mobility prevê o fim das preocupações com quais tipos de modais utilizar durante determinado trajeto, com as várias e complexas regras de tarifação de cada localidade visitada e, o mais importante, sem a necessidade de enfrentar filas para a compra de créditos ou prejuízos financeiros com a subutilização de créditos abastecidos em smart cards. Saiba mais: www.onboardmobility.com
Beeline Beeline é um aplicativo colaborativo de mobilidade a pé em que o próprio usuário compartilha com os demais usuários trajetos para além das malhas viárias, onde apenas os pedestres poderiam passar, os “atalhos” escondidos pelas cidades, como por exemplo galerias, passarelas, passagens subterrâneas, escadarias, e outros incontáveis. Além dos atalhos, o usuário poderá compartilhar e acessar informações importantes para pedestres como segurança, acessibilidade, pontos de interesse e eventos no seu trajeto. Saiba mais: www.beeline-app.com
Woole A Woole é um aplicativo com o propósito de facilitar o uso da bicicleta como meio de transporte na cidade. O app conta com um sistema de navegação para ciclistas com opções de rotas rápidas, seguras ou planas, além de identificar locais bike friendly, como bicicletários e oficinas, e permitir colaboração de usuários na avaliação e identificação de novos locais. Saiba mais: woole.bike

Veja como foi o Pitch 2.0 aqui.

Selecionamos dez startups para a segunda fase do programa Residência MobiLab 2.0

Nesta segunda e última fase do processo de seleção, as startups deverão apresentar seus projetos à Comissão Julgadora no próximo dia 20 de outubro.

O MobiLab e a São Paulo Negócios (SP Negócios), por meio da política Tech Sampa, lançaram dia 17 de setembro a segunda edição do Residência MobiLab, o programa de residência para startups da cidade de São PauloA ação selecionará até 10 (dez) startups que desenvolvam soluções tecnológicas com potencial impacto positivo nos desafios relacionados à melhoria da mobilidade urbana da capital.

Na primeira etapa de seleção, recebemos 17 propostas e selecionamos 10 startups finalistas, que apresentarão seus projetos para a Comissão Julgadora. Dentre as finalistas selecionaremos até 10 (dez) startups que ficarão 6 meses trabalhando no Espaço Coworking do MobiLab, recebendo mentoria, acesso a dados, apoio técnico e muito mais. Conheça aqui as startups da primeira edição do programa.

  1. Startups finalistas

Startup Projeto/Solução Responsável Pontuação
OptMove Soluções em Mobilidade Leva Eu Ricardo Alexandre Silva Shimabukuro Victorio 40
HelpCars HelpCars Bruno de Melo Aurélio 37
ClickFretado ClickFretado Saulo Silva Assis 35
Safe Ride Brasil Safety Adriana Mallet Toueg 34
UseBike UseBike Guilherme Cury Rovai 34
SafeTruck SafeTruck Gustavo Suim 33
DeliveryFor.Me Hub Delivery Jonathan Matos de Oliveira 31
Jump Tecnologia Jump Park Gustavo A.R.C. Cabral 30
NosTrinques NosTrinques Ivan Cesar de Oliveira 30
Tá Entregue Tá Entregue Raphael Paschoal Pouza Galvão 30

Como será a segunda etapa de seleção?

As 10 startups finalistas estão habilitadas para participar da segunda etapa – apresentação dos projetos, no próximo dia 20 de outubro (quinta-feira) às 14h00 no Espaço Eventos do MobiLab, localizado na Rua Boa Vista, 136, mezanino – Centro.

O evento será aberto e contará com transmissão ao vivo, garanta já sua inscrição aqui.

A startup finalista que não comparecer ao pitch estará automaticamente desclassificada do programa.

As informações sobre este evento estarão disponíveis no site ou através do correio eletrônico smtmobilab@prefeitura.sp.gov.br.

Acesse aqui a ATA da Comissão Julgadora.